[Opinião] Hex Hall - Rachel Hawkins





Título Original: Hex Hall
Tradução: Maria João Freire de Andrade
Editora: Gailivro
Colecção: 1001 Mundos
Páginas: 240
Classificação: 3,5/5



Sinopse
Um bilhete só de ida para um colégio interno perdido nos pântanos do Louisiana era talvez a última coisa que Sophie Mercer esperava receber pelos seus dezasseis anos. Mas Sophie não é uma adolescente igual às outras. Sophie é uma feiticeira e, tal como os outros prodigium, feiticeiros, fadas, lobisomens e vampiros, Sophie não pode frequentar uma escola normal. O que Sophie esperava ainda menos era ser companheira de quarto de Jenna, a única vampira da escola, e ver-se enredada numa trama para descobrir quem anda a assassinar os alunos da escola ao mesmo tempo que tem que lidar com os seus novos poderes, a descoberta da importância do seu Pai a hierarquia dos feiticeiros e a sua paixão pelo namorado da sua recente inimiga.


Opinião

Hex Hall é claramente um livro de fantasia urbana juvenil, tanto pela temática, como pelas características das personagens.
A protagonista é Sophie, uma adolescente de 16 anos que, além de todos os dramas e complicações que qualquer jovem tem de superar nesta idade, depara-se com algo ainda mais complicado – é uma bruxa que não consegue controlar os seus poderes. Por este motivo, os seus feitiços nunca resultam no que a protagonista prevê, acabando por criar problemas. Para tentar resolver esta situação, Sophie é enviada para um colégio interno, onde terá de viver até aos 18 anos, juntamente com outros da sua espécie.  Esta personagem é extremamente carismática – apesar de ser a “ovelha negra” da escola - é engraçada e tem um sentido de humor muito próprio. Consegue facilmente encantar o leitor com os seus pensamentos e as suas façanhas. Todas as personagens que surgem no livro estão bem elaboradas, e bem enquadradas neste mundo mágico – existem vários tipos de criaturas, como vampiros, fadas, bruxas brancas ou negras e vários tipos de metamorfose, cada um com personalidade e características próprias. Normalmente não sou muito fã das complicações adolescentes presentes neste tipo de livro – os inimigos, os ciúmes, as brigas inúteis – mas neste livro gostei das pequenas “guerrinhas” entre colegas, dos ciúmes estúpidos, das paixões fulminantes. Estavam bem descritas, sem serem maçadoras nem demasiado lamechas.

Apenas não gostei de uma parte da história – o final! A cena que deveria ser a mais empolgante do livro acabou por passar muito depressa – não houve um verdadeiro clímax, visto que a cena mais “mortal” (literalmente) não teve a devida preparação, acontecendo tudo muito depressa, e terminando de uma forma muito abrupta.

Há muito tempo que não lia um livro deste género que fosse tão simples mas, ao mesmo tempo, tão viciante. A escrita não é inovadora – simples e directa -, mas consegue agarrar o leitor, entretê-lo durante várias horas e fazê-lo soltar umas gargalhadas de vez em quando. Por estes motivos, gostei muito de o ler.
Cumpriu o objectivo – conseguiu entreter-me, divertiu-me e conseguiu afastar o meu pensamento das agruras do quotidiano.


Previous
Next Post »

6 comentários

Write comentários
Tânia G.
AUTHOR
10 de fevereiro de 2015 às 12:07 delete

Olá,
Eu já li o livro há alguns anos mas gostei bastante.
Quando li estava numa fase de leituras sobrenatural talvez por isso tenha gostando tanto dos livros (também li "Vidro Demónio").
Beijinhos

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
10 de fevereiro de 2015 às 12:51 delete

Olá Tânia,
Já que também leste este livro, esclarece-me uma coisa - este livro faz parte de uma trilogia? Ou são apenas dois livros? É que vi que em português há um segundo livro, "Vidro Demónio", mas nos sites ingleses aparece um terceiro livro. Ainda não há tradução para português ou fizeram outra adaptação?
Beijinhos e boas leituras

Reply
avatar
Tânia G.
AUTHOR
11 de fevereiro de 2015 às 11:47 delete

A série foi cancelada e por isso só temos estes 2 em Português. Se quiseres ler em inglês existe mais, não tenho bem a certeza se é apenas mais 1 ou se são 2 livros que não foram traduzidos.
Beijinhos

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
17 de fevereiro de 2015 às 16:21 delete

Não percebo porque é que as editoras fazem isso. Começam a traduzir uma série, e depois decidem parar a edição.
Enfim...
Obrigada pelo esclarecimento Tânia! :D
Beijinhos e boas leituras

Reply
avatar
Tânia G.
AUTHOR
20 de fevereiro de 2015 às 12:35 delete

É muito frustrante seguir uma série e depois é interrompida. Muitas vezes espero até a série estar toda traduzida e só depois é que compro os livros quando tenho a certeza que estão todos em Português.
No caso de Hex Hell comprei porque estava muito barato e só depois é que soube que tinha sido cancelado.

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
27 de fevereiro de 2015 às 15:32 delete

Então aconteceu-me o mesmo a mim! Já tinha lido boas opiniões sobre o livro, mas nunca me apeteceu comprá-lo (pensava que o dinheiro gasto não iria compensar com a qualidade do livro). Quando o vi a €3 achei que era uma boa oportunidade! Só quando o acabei de ler é que fui procurar mais sobre a série :s
Enfim...quando as editoras deixam as coleções a meio é um bocado frustrante...
Beijinhos

Reply
avatar

Mensagens populares