Anna Karenina [Um Livro, Um Filme]


Título Original: Anna Karenina
Ano: 2012

Género: Drama
Duração: 129 min.

Realização: Joe Wright
Intérpretes: Keira Knightley, Jude Law, Matthew Mcfadyen



Quando este filme saiu no cinema eu fiquei cheia de vontade de o ver. Normalmente leio o livro primeiro, mas estava pronta para abrir uma excepção…apesar da minha vontade, acabei por não conseguir ir vê-lo ao cinema, e por isso decidi começar a ler o livro o mais rápido possível.
Quando acabei de o ler, tentei ver o filme o mais rápido possível.
Já tinha ouvido falar da forma como esta adaptação tinha sido realizada e, posso dizer, estava bastante curiosa para ver o resultado final.
A história é contada como se as personagens estivessem num palco de teatro, sendo observadas constantemente pelo público (neste caso uma crítica à sociedade, em que o público que assiste à peça de teatro é uma metáfora da sociedade que observa a vida dos protagonistas). Acho a ideia genial, visto que o realizador fez uma crítica muito explícita à sociedade russa de meados do século XIX. A forma como o filme é filmado é muito interessante, não havendo as filmagens típicas de expressões, paisagens ou pessoas como acontece noutros filmes do género, sendo grande parte das cenas filmadas como se estivessem a filmar uma peça de teatro.


Adorei a escolha de actores! A Keira Knightjy, como é costume, foi extraordinária! Deu vida à protagonista Anna Karenina, uma personagem extremamente dramática e complexa. Consigo pensar em poucas actrizes desta idade que fizessem um papel tão bom como ela. Outro actor que adorei foi o Matthew Macfadyen, que encarna o papel de Oblonsky, o irmão de Anna. Era exactamente como eu o imaginava quando li o livro. Gostei também da forma como o realizador filmou as cenas do Oblonsky e mostrou a sátira que Tolstoi escreveu aos homens de “secretária” e bons “vivants”. Jude Law é também outro actor fenomenal, que interpreta o papel de Alexander Karenine divinalmente. Não gosto desta personagem no livro, e mantive a mesma opinião com o filme.

Em relação ao guarda roupa, achei fenomenal – os vestidos de Anna Karenina eram sempre soberbos. Outra coisa que me encheu as medidas foi a banda sonora. Realmente o Dario Marianelli consegue criar bandas sonoras excelentes. Gostei especialmente de um pormenor – este compositor utilizou uma melodia tradicional russa como um dos temas principais, aparecendo durante o filme sendo tocada com diferentes orquestrações, inclusive numa cena em que surge uma empregada da casa a cantá-la.

Apesar das inúmeras críticas negativas que li/ouvi deste filme, adorei-o.

Somos todos diferentes e todos iguais. 

video
Dario Marianelli - The girl and the Birch
Previous
Next Post »

4 comentários

Write comentários
Denise
AUTHOR
18 de dezembro de 2013 às 14:26 delete

Adorei o livro.
Adorei o filme.

:)

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
18 de dezembro de 2013 às 19:19 delete

:D
Então já somos duas :p

Reply
avatar
Carolina
AUTHOR
23 de dezembro de 2013 às 20:54 delete

Revi o filme ainda há pouco tempo! *-* eu adoro a história e gostei bastante do filme! Agora tenho mesmo de ler o livro! :D

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
23 de dezembro de 2013 às 21:00 delete

Carolina, tens mesmo de ler o livro. É fabuloso :D
Beijinhos

Reply
avatar

Mensagens populares