O Homem Pintado - Peter V. Brett




Título Original: The Painted Man
Tradutor: Renato Carreira
Editora: Edições Gailivro
Páginas: 648
Classificação: 4,5/5 – Gostei muito




Sinopse
Num mundo povoado por demónios que dominam a noite, forçando os seres humanos a esconderem-se atrás de guardas mágicas à espera que o sol nasça, o jovem Arlen assiste ao massacre da sua família por causa da cobardia do pai. A partir desse momento tudo muda e Arlen parte numa viagem de descoberta que o levará a percorrer o mundo e a conhecer Leesha e Roger.
Para queles que procuram o novo grande nome da fantasia a espera terminou. Ele é Peter V. Brett. Comparável a muitos mas diferente de todos, oferece-nos uma história brilhante que nos prende da primeira à última página. Dizer que é uma obra magistral é pouco para descrever a história épica da luta de Arlen, Leesha e Roger para salvar uma humanidade condenada a viver num mundo permanente da noite e dos demónicos que ela encerra.

Opinião
Um livro que se devora apesar do tamanho e peso serem intimidantes. Digo isto apenas porque costumo andar com o livro na carteira e ler principalmente em transportes. Andar com este livro era difícil, mas valia a pena.
Uma escrita muito simples e fluída, que consegue agarrar o leitor e transportá-lo para um mundo em que a noite é recheada de demónios. As personagens estão extremamente bem conseguidas, tendo cada uma a sua história e o seu destino. Arlen é uma personagem fascinante. Conhecemo-lo ainda criança, e vemo-lo crescer e transformar-se num homem com ideias e ideais bem definidos. Leesha e Roger são personagens que, apesar de não aparecerem logo no início da história, se tornam extremamente importantes, e que ajudam o leitor a sentir uma ligação ainda mais forte com todo o enredo.

Um livro viciante que quando o leitor começa a leitura, e entra na pele de Arlen, não consegue perder um minuto deste enredo empolgante.

Aconselho vivamente a todos os leitores que gostem de fantasia. E já estou a ler o segundo livro da saga…e a gostar muito!
Previous
Next Post »

2 comentários

Write comentários
Ki
AUTHOR
13 de julho de 2012 às 15:35 delete

Andava curiosa em relação a este livro! Parece prometer :)

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
13 de julho de 2012 às 15:41 delete

E promete! Quando li o teu post sobre os "maridos das outras são.." lembrei me logo do protagonista deste livro. Sei que quando acabei de ler o livro, dava por mim às vezes a pensar neste fantástico exemplar masculino...:p

Reply
avatar

Mensagens populares