A Melodia do Amor - Lesley Pearse




Título Original: Gypsi

Tradutor: Mário Dias Correia

Editora: Edições Asa

Páginas: 520

Classificação: 4/5 – Gostei muito






Opinião
Normalmente quando escrevo a opinião ponho a sinopse antes para o leitor ter uma ideia da história do livro. Neste caso, não o posso fazer e passo a explicar porquê. Nos livros desta autora, a sinopse que se encontra na contra capa diz sempre mais do que deveria. No caso deste livro em concreto, a primeira frase conta algo que só acontece na história depois de se passarem mais de 100 páginas. É um bocado aborrecido estar a ler um livro e ver que já sabíamos uma parte da história antes de começar a lê-lo. Apesar deste pequeno “contratempo”, a leitura foi extremamente empolgante e viciante.
Gostei muito deste livro. A escrita da Lesley Pearse continua extremamente agradável e fluida, agarra o leitor e leva-o a sentir o que as personagens sentem, as suas felicidades e os seus medos. Em relação à história, mostra perfeitamente como eram as condições de trabalho e de vida no início do século XX nos Estados Unidos, a falta de condições dos emigrantes, o problema de emprego para mulheres, a mentalidade da altura. As personagens foram muito bem construídas. Tal como o livro “Segue o Coração”, a protagonista é uma mulher forte, de uma grande personalidade, com vontade sempre de seguir o coração e fazer com que as pessoas que ama sejam felizes. Todo o romance entre Beth e Theo deixou-me sempre desconfiada. Era o género de homem que não condizia com uma mulher com aquela personalidade e, com este romance, fiquei muitas vezes com pena do Jack, por saber que ele também gostava da Beth. O final não foi totalmente inesperado…desde o início que supôs que o Jack iria ter um papel mais relevante na história, e não me enganei.
Em suma, para quem gosta de romances com protagonistas de personalidade forte, este é o livro indicado. Tal como o “Segue o Coração” da mesma autora.
Previous
Next Post »

2 comentários

Write comentários
Jojo
AUTHOR
30 de maio de 2012 às 19:57 delete

Há muito tempo que não leio nada desta escritora. Nunca me Esqueças, que li ficou gravado na minha memória mas tal como este tem um problema: a sinopse.

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
30 de maio de 2012 às 23:55 delete

Pois, então não sou só eu que achei isso bastante desagradável..:s enfim..como já sei que gosto dos livros da autora, da próxima vez nem leio a sinopse :p

Reply
avatar