O Essencial e Definito - Harry Potter e a Filosofia - William Irwin & Gregory Bassham





Título Original: The Ultimate Harry Potter and Philosophy: Hogwarts for Muggles

Editora: Sinais de Fogo Publicações

Páginas: 352

Classificação: 3/5




Sinopse
A Filosofia está por toda a parte. Em casa, no trabalho, nas séries de televisão, no cinema, nas páginas da mais recente novela gráfica ou nas personagens do nosso livro favorito. Não tem apenas a ver com a Grécia antiga, Nietzche ou Kant. Acompanha-nos e ajuda-nos a reflectir sobre as grandes (e também as mais pequenas) questões da vida. O Essencial e Definitivo Harry Potter e a Filosofia é um guia fascinante que dsicute inúmeras questões filosóficas no âmbito dos sete livros da série Harry Potter, tais como a vida depois da morte, a redenção de Severus Snape, a razão que leva Harry a escolher a morte, o poder do amor, o destino no mundo dos feiticeiros ou SIrius Black, homem ou cão?
A análise de toda a saga Harry Potter, para fãs e apreciadores que queiram aprofundar filosoficamente o seu conhecimento deste munod fantástico.

Opinião
Além da fantasia, romance, drama, ficção, entre outros géneros literários, gosto de me debruçar sobre livros com temas que me fazem pensar. Livros de filosofia que não sejam sobre determinados filósofos ou teorias, mas sobre temas comuns, que são analisados e que nos dão algumas bases para nós começar-mos a pensar sobre eles de outras formas.
Como grande amante dos livros de Harry Potter que sou, quando vi este livro, não resisti a comprá-lo!
Esta obra é constituída por vários artigos que se debruçam por temas muito variados do mundo “HarryPotteriano”. Os autores destes textos são professores de filosofia de várias universidades do mundo. Posso dizer que alguns dos textos são pouco interessantes, e o tema chega por vezes a ser aborrecido, mas outros são extremamente interessantes. Um dos temas que mais surge nestes artigos é o poder do amor, e o que ele pode mudar a vida de uma pessoa. Harry e Voldemort tem um historial parecido, visto que não foram criados pelos pais, estando um na casa dos tios e outro num orfanato, mas um carrega o amor dos pais no coração enquanto o outro carrega o ódio. A história deles é analisada, tal como o amor de Snape por Lily Potter, que o leva a proteger Harry Potter por este possuir o mesmo encanto que a mãe possuía. Um amor que apesar de não ter sido feliz conseguiu transformar Snape para ele fazer o certo.
Um dos artigos fala sobre o ensino de Hogwarts, enumerando alguns pedagogos americanos e expondo os pontos fortes e fracos de uma escola como aquela. Gostei muito deste artigo. Podemos analisar o que poderia ser mudado na educação em geral, e o que os alunos lucravam com ela.
Outro artigo era sobre a sexualidade de Dumbledore. Se esse dado é realmente importante para a história, ou até se a autora ainda tem alguma autonomia para modificar a ideia que os leitores criaram dessa personagem.
Um dos artigos que eu mais gostei foi sobre a aparição de Dumbledore no final do 7º livro. Que questiona se realmente J. K. Rowling acredita numa vida após a morte, se a nossa alma é algo diferente do corpo, e se quando morrermos partimos como o que somos em vida.
Muitos são os artigos, e apesar de ter gostado bastante deste livro, dei-lhe 3 estrelas porque alguns dos artigos que não falei aqui são um pouco penosos.
Para quem gosta de Harry Potter e quer pensar um bocadinho mais a fundo sobre determinados temas, é um bom livro para nos fazer reflectir!



Previous
Next Post »