Os Pilares da Terra Vol.I - Ken Follett




Título Original: The Pillars of the Earth

Editora: Editorial Presença

Páginas: 504

Classificação: 5/5






Sinopse
Na Inglaterra do século XII, com a guerra civil como pano de fundo, Tom, um humilde pedreiro e mestre-de-obras, tem um sonho majestoso – construir uma imponente catedral, dotada de uma beleza sublime, digna de tocar os céus. E é na persecução desse sonho que com ele e a sua família vamos encontrando um colorido mosaico de personagens que se cruzam ao longo de gerações e cujos destinos se entrelaçam de formas misteriosas e surpreendentes, capazes de alterar o curso da história – Ellen, uma mulher enigmática que vive à margem da sociedade e cujo passado esconde um segredo, Philip, prior da cidade de Kigsbride, que vai supervisionar a construção da catedral, Aliena e Richard, ricos herdeiros destituídos das suas terras e títulos, William, o cavaleiro sem escrúpulos, e Waleran, o bispo disposto a tudo para obter o que pretende. À medida que assistimos à edificação de uma obra única envolvendo suspense, corrupção, ambição e romance, a atmosfera autêntica do quotidiano da Europa medieval em toda a sua grandeza absorve-nos irremediavelmente, ousando desafiar os limites da nossa imaginação. Recriação magistral de um tempo de conspirações, delicados equilíbrios de poder e violência, Os Pilares da Terra é decididamente a obra-prima de um autor que já vendeu 90 milhões de livros em todo o mundo.




Opinião
Este é o primeiro volume duma grande obra. Prendeu-me completamente! É uma escrita simples mas cativante, que nos prende desde o primeiro momento. Quando pegava no livro era difícil parar de ler e, quando parava, não deixava de pensar nas personagens e no que lhe iria acontecer nas páginas seguintes.
Esta é uma história centrada na construção de uma catedral. Mas é muito mais que isso! É uma obra que consegue cruzar todos os ingredientes de uma excelente história – um enredo fantástico, com muita conspiração, suspense, momentos completamente imprevisíveis e personagens memoráveis.
Ken Follett criou personagens fantásticas – reais, com carácter, personalidade, sentimentos, sonhos, ambições. Conseguimos senti-las e sentir a sua alegria e o seu descontentamento.
Posso dizer que foram várias as personagens que me marcaram. Jack, que apesar de ser um rapazinho estranho enquanto miúdo, deixa muito em aberto neste primeiro volume; Ellen, a mulher enigmática que vivia na floresta e que parte do seu “porto seguro” para lugar incerto, para puder acompanhar o homem que amava; o prior Philip, que é um verdadeiro Homem de Deus, que acredita na verdade, na confiança, na amizade, e que fazia tudo pelos outros e pela sua congregação; o pedreiro Tom, simples, bondoso, inteligente, que quando fica sem trabalho parte em busca de um sonho; Aliena, uma rapariga presunçosa, filha de um conde, que está habituada a todo o conforto e riqueza, e que acaba por perder tudo (casa, família, riqueza, paz, felicidade e a própria virgindade), tendo de trabalhar para conseguir o seu sustento e assegurar que cumpre a promessa que fez a seu pai poucos dias antes deste morrer. Existem duas pessoas que simplesmente enojam-me: William, um cavaleiro que não tem escrúpulos, anseia por sangue, por destruir e por violar, e que tenta fazer de tudo para destruir a vida de Aliena e impedir o prior Philip de construir a sua catedral; conta com a ajuda do bispo Waleran, que é oposto do que deveria ser um Homem de Deus – ambicioso, arrogante, que prefere construir um castelo para si, e viver adornado de riquezas, do que ajudar um prior a construir uma catedral que tinha sido destruída.
Um livro fantástico. Quando o acabei não resisti a começar a ler o segundo volume, que já vai a meio.


Previous
Next Post »

5 comentários

Write comentários
Jojo
AUTHOR
8 de outubro de 2011 às 23:03 delete

Está ali a olhar para mim. Assim que puder vou lê-lo!:)

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
8 de outubro de 2011 às 23:49 delete

Olá Jojo,

Quando puderes lê. Gostei mesmo muito do livro! :)
Beijinhos

Reply
avatar
Marcinha
AUTHOR
14 de outubro de 2011 às 16:52 delete

Já estava com alguma curiosidade de lê-los, agora ainda mais. Encomendei já os dois para poder ler tudo de seguida.
Beijocas

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
14 de outubro de 2011 às 18:36 delete

Olá Marcinha! Vale mesmo a pena! Já estou a acabar o segundo volume e estou a adorar!!! :)
Beijinhos

Reply
avatar
15 de outubro de 2011 às 18:58 delete

Kel, não li o livro, mas vi o primeiro episódio da série televisiva. Espero sinceramente que o livro seja 3 vezes melhor que a série pois esta não me atraiu em nada. Apesar do realizador ser quem é.

Reply
avatar

Mensagens populares