Alexandre Dumas

Alexandre Dumas (1802-1879) nasceu em França, filho de um proeminente general que morreu cedo, deixando o filho com a sua viúva, que estimulou a imaginação da criança com os relatos que fazia da coragem do pai no exército de Napoleão. Alexandre foi para Paris aos 20 anos, onde começou a escrever textos para revistas e peças de teatro: Henrique III e a sua Corte e Christine que obtiveram algum sucesso. Na década de 1830, com a industrialização  da França e o fim da censura à imprensa, a carreira literária de Dumas ganhou um novo impulso e, abandonando um pouco a escrita de teatro para se dedicar ao romance, o escritor legou-nos importantíssimas da literatura mundial, como O Conde de Monte Cristo, Memórias de um Médico ou Os Três Mosqueteiros, romances históricos com muita aventura, que fizeram dele um autor reconhecido e aclamado. Apesar de casado com a actriz Ida Ferrier, manteve casos com outras mulheres, chegando a ter, pelo menos, três filhos ilegítimos (entre eles, o escritor Alexandre Dumas, filho de uma costureira, que legitimou legalmente em 1831). Apesar de ter uma carreira rentável, o estilo de vida extravagante de Dumas era muito dispoendioso, o que o levou a fugir para a Bélgica, Rússia, e Itália, aproveitando para procurar novas histórias para os seus livros. Faleceu de apoplexia, em França.

Retirado do livro "Contos Espantosos" da Colecção Biblioteca de Verão

Opinião



Alguma Bibliografia
O Conde de Monte Cristo (1845-46)
Os Irmãos Corsos (1844)
Os romances de D’Artagnan:
- Os Três Mosqueteiros (1844)
- Vinte Anos Depois (1845)
- O Visconde de Bragelonne (1847) – do qual faz parte O Homem Com a Máscara de Ferro
Os Romance Valois:
-A Rainha Margot (1845)
- A Dama de Monsoreau (1846)
- Os Quarenta e Cinco (1847)
Memórias de um Médico
- Joseph Balsamo (1849)
- O Colar da Rainha (1850)
- Ange Pitou (1851)
- A Condessa de Charny (1853)
- O Cavaleiro da Casa Vermelha (1854)
Previous
Next Post »

3 comentários

Write comentários
18 de setembro de 2011 às 10:27 delete

O Conde de Monte Cristo é sem dúvida um dos meus livros preferidos de sempre :)

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
18 de setembro de 2011 às 16:09 delete

Olá Liliana.
Nunca li o livro, mas vi o filme e gostei imenso.Fiquei com vontade de ler o livro.

Boas leituras!

Reply
avatar
18 de setembro de 2011 às 18:27 delete

Sim, para o livro é preciso ganhar alguma coragem :) ...http://lclavado.blogspot.com/2010/08/count-of-monte-cristo-by-alexandre.html

Reply
avatar

Mensagens populares