Dia da Mãe



A todas as mães que nos acolheram naqueles braços quentes nos momentos que mais precisámos,

Às mães que nos deram raspanetes e sermões sobre o estudo, o bom comportamento e a alimentação,


Às mães que nos protegeram nos momentos que nos deviam ter deixado ir,

Às mães que nos deixaram ir quando deviam ter-nos impedido de partir.


A vida ensina-nos o que é a dor, a solidão, o sofrimento, a amizade.

E é também a vida que nos mostra

Como é bom ter e sentir a mão carinhosa da nossa mãe sobre o nosso ombro

Para amparar e guiar-nos nos momentos bons ou menos bons,

Que traçam o nosso caminho.



Para todas as mães,

Em especial para a minha


Mãe, OBRIGADA por seres quem és!




Previous
Next Post »