Wicked Lovely – Amores Perdidos – Melissa Marr





Wicked Lovely – Amores Perdidos

Melissa Marr

288 páginas

Classificação: 4,5/5






Sinopse


REGRA # 3:
Não olhar para fadas invisíveis.
Desde que nasceu, Aislinn sempre viu fadas. Poderosas e perigosas, elas caminham ocultas entre os mortais. Aislinn tenta passar despercebida pois estes seres não gostam de ser descobertos e costumam castigar com crueldade as pessoas que detectam a sua presença.

REGRA # 2:
Não falar com fadas invisíveis. Agora as fadas perseguem Aislinn. O rei das fadas Keenan, aterrorizante e sedutor, tenta cativar Aislinn, fazendo perguntas que ela tem medo de responder.

REGRA # 1:
Nunca chamar a atenção delas. Agora é tarde demais... Keenan, o Rei do Verão anda numa busca incansável pela sua rainha há nove séculos e está determinado a converter Aislinn na sua rainha a qualquer custo.

Quando as regras secretas que sempre a tinham protegido deixam de funcionar, de repente está tudo em risco: a sua liberdade; o seu melhor amigo, Seth; a sua vida; tudo. Intrigas sobrenaturais, amores mortais, e confrontos entre reis antigos e expectativas modernas cruzam-se no enredo deste espantoso conto de fadas que Melissa Marr imaginou para o século vinte e um.



Opinião

Fadas, seres feéricos, seres fantásticos, seres altos, baixos, incrivelmente belos, de uma beleza feroz, capaz de matar qualquer humano, seres assustadores, com asas, cornos, trepadeiras que enfeitam a pele, jubas, seres preenchidos pelo sol e pelo calor, ou pelo frio e pelo gelo. Este livro é constituído por personagens feéricas de todos os géneros, diferentes dos protótipos que nós estigmatizamos. Não pequenas e fofinhas, que falam numa linguagem "angelical", nem seres de belezas transcendentes, que associamos àquelas deusas das florestas, que têm como séquito um conjunto de seres fantásticos que vivem num mundo paralelo ao nosso. As personagens desta história vivem lado a lado com os humanos, estando sempre invisíveis. Quando se tornam visíveis colocam uma "máscara" para se tornarem como qualquer comum dos mortais.

Aislinn, a personagem principal desta história, é a excepção dos humanos. Possui a Visão, que lhe permite ver toda e qualquer fada que ande pela rua, mesmo que esta esteja invisível. E quando digo "ande pela rua" parece que surge uma de vez em quando…não é isso que acontece. Acontece por vezes estarem tantos humanos como fadas na mesma rua – isso explica o esforço que esta tem de fazer para ignorá-las e tentar ter uma vida normal.

Este livro está muito bem conseguido! Um mundo muito bem imaginado, uma daquelas histórias que nos apetecem ouvir num dia de Inverno à frente da lareira, sobre as fadas boas e más, uma rapariga que surge numa meio de um complicada situação que decorre à séculos. Uma história cheia de amor, amizade, coragem, seres fantásticos, o calor do Verão e o gelo entorpecedor do Inverno.

Uma escrita simples, fluente, que faz o leitor ficar agarrado ao livro, a ansiar cada virar de página, e a saborear as linhas da história (e posso também acrescentar saborear Seth, o amigo de Aislinn, que tem as qualidades que qualquer rapariga anseia…)

Um livro extremamente feminino. Um conto de fadas de século XXI.

Gostei mesmo muito!! Recomendo vivamente aos leitores deste género de fantasia!

Previous
Next Post »

8 comentários

Write comentários
p7
AUTHOR
27 de fevereiro de 2011 às 23:16 delete

Também gostei muito deste livro. ;) Todo o conceito de as fadas serem seres belos mas cruéis fez-me lembrar de quando os contos de fadas eram contados com as situações terríveis pelo meio.

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
28 de fevereiro de 2011 às 00:39 delete

Também me lembrei disso p7! :D
E o que gostei também, é que a história tem realmente um fim, não uma trilogia ou algo do género. Mas fiquei a gostar tanto da escrita e da forma como o tema das fadas foi abordado que quero ler o segundo livro o mais rápido possível! :D

Reply
avatar
28 de fevereiro de 2011 às 10:45 delete

Ainda bem que gostaste deste livro.
Realmente o conceito de fada é um pouco diferente..
E agora estão a sair livros do mesmo género, só espero que mantenham a qualidade.

Boas leituras!

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
2 de março de 2011 às 21:14 delete

Pois é..cada vez saem mais livros deste género...temos é que saber escolhê-los! :D

Boas leituras para ti também :)

Reply
avatar
Jojo
AUTHOR
6 de março de 2011 às 15:39 delete

Como mesmo disseste cada vez mais saem livros deste género ( fantasia) que eu adoro porém, temos mesmo de saber escolher senão arricou-me a apanhar mais uma hstória igual a tantas outras.
Este livro ofereci-o num Natal à minha prima porque me agradou a sinopse inovadora e fresca. Estou à espera do empréstimo.

Bjinhos*

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
6 de março de 2011 às 16:11 delete

Pois Jojo, temos mesmo de saber escolher!
Gostei mesmo do livro...estou a espera de arranjar o segundo! :D

Reply
avatar
Cris
AUTHOR
26 de março de 2011 às 16:04 delete

Olá Kel, tudo bem?
Assim que li o primeiro livro, eu também fiquei fã desta saga. Agora tudo o que posso dizer é para leres o segundo, em que ficas a conhecer melhor estas fadas mesquinhas e perversas, não fossem elas da Corte das Trevas.
Boas Leituras!

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
26 de março de 2011 às 17:59 delete

Olá Cris,
Está tudo bem.
Esta saga é realmente boa! :D
Quando a ler aparecerá aqui a minha opinião, como é costume :)
Beijinhos e boas leituras!

Reply
avatar