O Amor não Espera à Porta – Marisa de los Santos



O Amor Não Espera à Porta


Marisa de los Santos







Sinopse


"A minha vida – a minha vida a valer – começou no dia em que um certo homem deu um passo para dentro dela. Era um estranho, vestido com um fato de corte impecável e, pronto, já estou a ver como isto soa."


No momento em que Martin Grace põe o pé na "casa de café" de Filadélfia que Cornelia Brown dirige, a vida dela muda para sempre. Solto e charmoso, cara chapada de Cary Grant, Martin deixa Cornelia nas nuvens. Porém, no fim de contas, Martin será mais o mensageiro da mudança do que a própria mudança….


Entretanto, do outro lado da cidade, Clare Hobbes, uma menina de onze anos de idade, é obrigada a sobreviver por conta própria, depois de a mãe, cada vez mais perturbada, ter uma crise e desaparecer. Inspirada em muitos órfãos das histórias que leu, como Harry Potter, Clare consegue ter coragem e procurar o pai. Quando pai e filha aparecem no café, Cornelia e a menina criam uma ligação tão inesperada quanto profunda. Juntas descobrem que o essencial na vida é sabermos ao certo o que amamos e porquê.


"Às vezes a nossa vida começa quando alguém nos empurra para dentro dela."


Marisa de los Santos escreve com uma minúcia cheia de delicadeza, capaz de trazer à luz as perdas e as alegrias da vida. O Amor Não Espera à Porta é um livro inteligente e fresco que marca a chegada de uma excepcional contadora de Histórias capaz de mostrar que o amor, embora seja sempre imprevisível, pode estar muito próximo..às vezes à nossa porta.



Bestseller New York Times



"É um daqueles livros que nos faz desejar um dia frio lá fora, para cairmos num sofá aconchegado e ficarmos a lê-lo até ser noite…Uma história tocante, de arrastar corações, sobre uma mulher solteira e uma menina que se cruzam na vida e se abraçam para sempre."

Washington Post Book World


"Este é um primeiro romance com momentos maravilhosos e arrebatadores. Uma história delicada sobre o que temos de aprender antes de pdoermos amar."

Booklist

"Um conto de fadas fascinante, emocionante e adulto, sobre filmes antigos, príncipes encantados e o encontro com o viveram felizes para sempre onde menos se pode esperar."

Jennifer Weiner, autora de Goodnight Nobody



Opinião


Não sei exactamente o que me despertou a atenção neste livro. Acho que tem um título demasiado "lamechas" e o nome da escritora não me soou a nenhum nome conhecido.


Já tinha reparado no livro numa feira do livro, há alguns anos, mas não pensei em comprá-lo. Este ano encontrei-o por 5€ numa mini feira do livro, e pensei "Este livro quer mesmo que o compre..", e como o livro foi convincente, sem falar no preço, resolvi comprá-lo.


Não li a sinopse que normalmente vem na capa (já o tinha feito da primeira vez que me tinha deparado com ele, mas não a voltei a ler, e nem sei porquê…) e comecei a lê-lo com poucas expectativas. O livro capturou-me na sua essência, e mesmo quando não o estava a ler, dava-me por mim muitas vezes a pensar nos problemas das personagens. Para quem leu a sinopse, a história provavelmente irá desenrolar-se de uma forma um pouco previsível. Como não me lembrava do que trataria a história ou quem seriam as personagens, fiquei bastante surpreendida com o desenrolar da história, porque iam ocorrendo coisas que não estava nada à espera. A escritora sabe levar o leitor para o mundo da história, para a vida das personagens. Elas são algo real, como a pessoa com que acabamos de nos cruzar na rua, com pele, osso, sangue a correr nas veias, emoções, dores, sofrimento e pensamentos. Marisa sabe captar a essência de um ser humano e passá-lo para o papel de uma forma cativante.


Estava à espera de uma escrita básica e demasiado banal. Estava enganada! A escrita é muito boa. Fluente, descritiva o quanto basta, visto que se foca mais nas emoções das personagens, e faz com que o leitor sinta realmente o que a personagem sente, ficando também a pensar nos seus dilemas.


Pensava que esta história era apenas mais um romance. Afinal era algo mais pesado. Um drama familiar que põe em causa a infância de uma criança, que se vê "pendurada" nos braços de uma estranha, na qual tem que depositar todos os seus medos e receios. Um pai ausente e uma mãe com problemas mentais. Uma história do nosso quotidiano.


A história vai-se desenrolando, e quando menos esperamos, reparamos que as pontas do novelo se começam a juntar, e o caminho de Clare deixa de ser um fio de uma teia, e começa a engrossar tornando-se um fio mais seguro e menos tortuoso.


Um final lindo, inesperado, que realmente mostra que o amor, sendo imprevisível, pode estar mesmo à nossa porta..à espera para puder entrar!


Um romance muito bem escrito com uma história tocante.


Recomendo a todas as leitoras que gostem deste género literário.



Previous
Next Post »

6 comentários

Write comentários
Books Lovers
AUTHOR
10 de outubro de 2010 às 15:13 delete

Pela sua opinião parece-me ser um livro interessante, daqueles de leitura soft que muitas vezes sabe bem ler

Boas Leituras



http://bookslovers.blogs.sapo.pt/

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
10 de outubro de 2010 às 15:41 delete

Sim. É uma leitura bastante leve, mas que dá gosto de ler. Para quem gosta deste género de literatura, provavelmente vai gostar deste livro!

Reply
avatar
cris
AUTHOR
15 de outubro de 2010 às 18:04 delete

Comecei a lê-lo mas não consegui continuar e larguei-o... será que devia ter insistido?
Http://otempoentreosmeuslivros,blogspot.com
Boas leituras!

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
15 de outubro de 2010 às 23:39 delete

Cris, eu achei o livro muito interessante no final. Bastante inesperado!
Mas quando um livro não nos agarrada, acho que não vale a pena insistir..há tantos para ler e tantos escritores para conhecer, que não vale a pena forçar...

Reply
avatar
31 de outubro de 2012 às 00:25 delete

Optima opinião, concerteza que tentarei arrecadar este livro.. Talvez numa visita a uma feira do livro para ver se consigo assim um "achado" como o teu;)

Obrigado pela a opinião

Teresa
http://romances-de-mesinha-de-cabeceira.blogspot.pt/

Reply
avatar
Kel
AUTHOR
31 de outubro de 2012 às 01:08 delete

Olá Teresa, ainda bem que gostaste da opinião, e que esta te tenha mostrado o quanto eu gostei do livro. As feiras do livro trazem-nos muitas vezes boas surpresas :)
Boas leituras

Reply
avatar

Mensagens populares